Materiais soldáveis na solda tig e gases de proteção

tipos tig
materiais soldáveis utilizados no processo tig

Um dos aspectos importantes para se saber acerca do processo de solda tig é quais os tipos de materiais que são soldáveis por esse processo.

É definido que a maioria dos metais podem ser soldados pelo processo de solda TIG, porém, para obtenção de um bom resultado é necessário conhecer o material e o tipo de gás de proteção eficaz para cada um deles. Veja:

Gases utilizados no processo TIG para soldagem de aços

Aços carbono e de baixa liga

  • Argônio – Ate 12mm de espessura
  • Argônio/Hélio – acima de 12mm de espessura

A qualidade do gás da soldagem por TIG nestes materiais para solda são mais fortemente dependentes das contaminações no metal de base que nos processos eletrodo revestido ou arco submerso devido à ausência dos fluxos para remoção das impurezas.

Aços inoxidáveis e ligas refratárias

  • Argônio
  • Argônio/Hélio
  • Argônio/Hidrogênio
  • Hélio puro

Devido ao seu alto grau de proteção, estes materiais são extensivamente utilizados com soldagem por TIG. Além disso, o metal de adição, por não atravessar o arco, pode conservar os elementos de liga, levando-se essa pureza para a formação final do metal.

Gases utilizados no processo TIG para soldagem de aços

Ligas de alumínio como materiais soldáveis processo tig

  • Hélio – Para seções espessas – Acima de 1/4 utiliza-se corrente contínua com eletrodo no polo negativo em processos automáticos sendo que devido à ausência de limpeza catódica as peças têm de ser limpas imediatamente antes do processo.
  • Argônio – Em corrente alternada, por prover melhor limpeza, melhor inicialização do arco e qualidade superior de solda.

O TIG é um processo perfeito para a soldagem destes materiais, podendo ser realizadas operações em todas as espessuras e soldagens. Na maioria dos casos é utilizada corrente alternada, devido à limpeza catódica. Na soldagem de superfícies finas algumas vezes é utilizado o corrente contínua com eletrodo no polo positivo

Ligas de magnésio

  • Argônio

As ligas de magnésio têm operações próximas às das ligas de alumínio, utilizando-se também na maioria das vezes de soldagem com corrente alternada.

Berílio

  • Hélio – cinco partes de hélio para uma parte de Ar

As soldagens deste material são difíceis devido a sua tendência de fratura a quente e fragilização. Assim sendo, o processo é conduzida em câmaras de atmosfera inerte. Deve-se considerar também que os fumos de berílio são tóxicos.

Ligas de cobre

  • Hélio – corrente contínua com eletrodo no polo negativo

O TIG é apropriado para a soldagem de cobre devido à alta intensidade de geração de calor pelo arco, o que permite um mínimo aquecimento das vizinhanças da região de solda.

Ligas de níquel

  • Argônio
  • Argônio/Hélio
  • Hélio

Normalmente são soldadas por corrente contínua com eletrodo de tungstênio no polo negativo.

Metais refratários e reativos

  • Gases de alta pureza – Frequentemente são utilizados câmaras purgadas

Estes materiais soldáveis no processo TIG possuem pontos de fusão extremamente elevados e são altamente reativos, oxidando-se rapidamente a altas temperaturas. Dessa forma, TIG provê alta intensidade de calor com proteção adequada ao processo destes materiais.

Ferro fundido

  • Argônio

É importante:  afiar o eletrodo de Tungstênio (com Tório) no diâmetro de 3,2 mm com a ponta não muito fina, colocar o eletrodo de Tungstênio na tocha TIG deixando a ponta do eletrodo para fora do bocal aproximadamente 5 mm, ajustar o regulado de Argônio em

aproximadamente 5 litros de gás por minuto (com vazão dinâmica).

Metais não soldados no processo de soldagem TIG

  • Cádmio
  • Zinco
  • Estanho

Devido à baixa pressão de vapor dos líquidos desses metais o processo TIG não é usado para soldá-los. Casos específicos como o alumínio utiliza-se o eletrodo de tungstênio com 2% de tório.

Concluindo sobre materiais soldáveis processo TIG

Você leu sobre quais são os materiais soldáveis com o processo TIG e quais os gases utilizados para isso. Com essas informações você terá mais certeza na escolha do gás e material a serem utilizados.

Caso você tenha alguma dúvida sobre o processo de soldagem TIG, deixe uma pergunta nos comentários ao final da página.

Quer saber mais sobre soldagem para ajudar você e a sua empresa?

Clique na imagem ou no link abaixo e assista “Vídeo-Curso de Solda TIG/GMAW

O que a Alusolda faz?
A Alusolda oferece Locação, manutenção de equipamentos, e comércio de produtos no segmento de solda e corte.

Faça um orçamento sem compromisso no telefone (62) 3250-0707. Nossos melhores colaboradores irão te atender.
Comentários
    • Obrigado pelo reconhecimento, Claudio!

      Quando precisar, basta acessar o site. Temos várias orientações, além de manuais de máquinas, livros virtuais sobre vários tópicos e cursos de solda gratuitos.

      Abraço.

  • Bom dia. É uma grande satisfação termos profissionais gabaritados que produzam matérias importantes e interessantes sobre este tema. Hoje no mercado temos diversos equipamentos novos e existe a necessidade de conhecer a sua utilização para podermos extrair o melhor destes. Parabéns pela iniciativa!

    • Olá, Aroldo!

      Ficamos contentes em saber que nosso conteúdo está sendo útil. Muito obrigado pelo reconhecimento. Queremos auxiliar o máximo de pessoas do ramo da soldagem que há no Brasil. Sempre que tiver alguma dúvida, procure nossos textos, será sempre um prazer ajudar!

      Um abraço,
      Paulo César!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.